Sobre... A Grande-Arma

E nunca mais os orientais fizeram contato.

Porém, certa feita, uma Autoridade, um mestre-guerreiro, já mortalmente ferido por um mal invisível e por isso mesmo incurável. Ele que bem conhece de batalhas... tivera seu corpo furado por vários calibres num atentado das forças do mal.

Chamou-me e ditou (penso eu, a mando dos orientais) tres avisos:

-Esqueça autoridades e governos, vá para a Internet, lá é o caminho.

-Muitos sabem, há muito, do que você descobriu... e usam para fazer fortunas burlando financeiras e bancos.

-A Verdade-Final sobre a Microsoft começa a ser revelada aqui no Brasil.

APRESENTAÇÃO PROFISSIONAL do autor destas páginas-WEB

E eu lá sabia o que era HTML, e pensava que ninguém soubesse de nada do que descobri... por isso, que nem um idiota, havia procurado a Microsoft, PC World e Módulo, para avisá-los. E acabei revoltando "especialistas" com o que descobrira.

Então, segui as ordens/aviso...


Decidia-se o destino da Terra em uma intensa batalha... A Arma havia sido lançada. E Arjuna, em represália, iria lançar a terrível Pasupata.
Foi quando Krishna, que é a Suprema Personalidade de Deus, pessoalmente, em Sua forma original, veio à Terra... em bendita intervenção.
e´

.


"Krishna: -Deitem seus corpos e abracem a velha & bondosa Terra. Ela, também, sente-se ameaçada... Façam o vazio absoluto em seus espíritos, sem tentar se defender, caso contrário A Arma só ficará mais perigosa... Não pensem em nada, e transportem-se para o tempo que ainda não existiam" (do poema hindu Mahabharata)


.

.

.

O tempo anterior ao Windows 3.1. Já que dele em diante, ela habita seu HD e ninguém importou-se em tirá-la.
Krishna estava determinado. Nada O deteria de cumprir Sua importante missão. Sua Sabedoria Divina a todos salvaria.

E nos momentos que ainda tenho um pouco da fé de que daqui (do Brasil) algo novo se construirá, penso no que estas Macro-Recorders causam a todos.

Penso:

-De como a Microsoft preocupou-se em retirar dos discos rígidos de todo o planeta, o aplicativo Write.exe. Por ser terrível contra seu tal Direito Autoral.

E o exterminaram de forma silenciosa e covarde, quando da instalação do Windows 95. Para o "serviço" utilizaram-se do farsante WordPad.exe, a fim de que os terráqueos nada desconfiassem.

-Deixaram as Macros a passear e destruir.

E o que elas fazem?

Pior que qualquer Melissa. Muito pior... transforma qualquer usuário num poderoso agressor do alheio.

São manhosas, aparentam que não trabalham direito, mas nada! -É só aceitar suas manhas. E as malditas funcionam.

Nada de programas, nada de sabedorias...

E aí, elas passam E-Mails mil, carregados de Anexos... Montam Robots, você abre, digamos, tres navegadores e o resto elas fazem... Enviam nos CHATs, sem descanso, qualquer mensagem escrita... São incansáveis, assim como implacáveis.

E mortais... Um "robozinho" desse, montado para que o ponteiro do mouse abra Meu Computador e dê um DEL (e confirme!) em tudo... enviado como Anexo em um Mail, não sobra nada!!! E a pobre vítima ao se consultar com o seu "especialista", receberia a resposta: -O mouse mexeu??? É um Back-Orifice!!!

E ficaria eternamente sem saber a verdade-triste: é um travesti! Não é nada de Back-Orifice... aos íntimos se dá a conhecer como Macro, a terrível... a poderosa.

E sempre pronta para a libertinagem.

Nunca dão defeito! Ao funcionarem mal, às vezes por momentos, basta fechá-las e abri-las... que nova vida ganham.

Porém são uma "faculdade". Sinceramente o que fazem parece não ter fim: -encadeia-se Macros de uma forma que nunca vi.

Alguns cretinos fantoches escrevem que não bem funcionam... É tudo "estória", eles devem usá-las muito!, por isso mentem.

Junto com elas, existem outros infernos por eles mesmos plantado nos Softs que fabricam e distribuem.

Hoje arrependidos, temerosos... Sei lá se foi meu Relatório-Secreto... distraem todo o planeta falando mal dos 16-Bits. E o tal Mengele da Corporation, armou-lhes uma surpresa: -embutiu no "DOS de Bill" impensáveis e terríveis sutilezas.

Tiram o sono da Corporation, se o mundo descobrisse. Aí denigrem o DOS junto com os 16-Bits.

Foram feitas, parece, numa época que a Microsoft não desejava a Internet.

Mas o que fazem não agride a Corporation, só aos usuários e provedores de acesso.

Por isso pouparam trabalho, e no HD de todos as deixaram.

TET
a ofensiva

Está lançada a pior das "napalm", até então desconhecida: -A VERDADE! Penetra, espalha-se, dissemina-se... invade corações e mentes.


Colabore p/ que O TAL DO WINDOWS seja PUBLICADO.

Pois a Verdade tem que fluir...

Pois saibam, tenho meditado constantemente... e me perguntado:

"Será desejo dos deuses, ou uma vingança de meu Rei, que eu lance a Pasupata?"

Conheço-a e sei que nada restará. Só não hesitarei em lançá-la se os farsantes Pinguins nos invadirem e dominarem.


O Pinguim "de quatro", na frente de todo mundo...

-----Mensagem original-----
De: Fernando Carreiro Albuquerque <
vitoral@ivp.matrix.com.br>
Para:
marconunez@bigfoot.com <marconunez@bigfoot.com>
Data: Quarta-feira, 24 de Novembro de 1999 02:19
Assunto: Linux


Caro Marco,
Aprofundando mais em seu site, vi coisas interessantes sobre o Linux. Mas acho que consegui a proeza, não uma nem duas vezes, mas várias, de
travar o pinguim, mais fácil que o Windows, basta executar o Gimp (o Photoshop deles) e rodar um arquivo maiorzinho ou um plug-in mais exigente e ele capota de quatro com um agravante, tente reiniciá-lo, acusará corrupção de arquivos e incapacidade para entrar no root, uma gracinha, o tal de lilo (carregador dos sistemas) diz ser generoso , carrega o Windows, mas depois que o coloca no registro mestre de inicialização ele dá um pé na bunda do Windows e não há santo que acesse o Windows, nem desinstalando o Linux! É um sistema intermediário, diria híbrido, que não tem a robustez de um Unix ou NT nem a interatividade e facilidade de uso da interface de um W98/95, acho bacana o aspecto do código aberto, mesmo com os perigos
inerentes, mas o Linux seria o sistema melhor indicado para automação, robótica, controle de recursos mecânicos e coisas afins, já que pode ser facilmente mudado e adaptado, mas
para o usuário final é massacrante e a vulnerabilidade pode ser um ponto a se questionar, acho que vírus não foram feitos para ele por ser um refúgio dos hackers, como os portos seguros dos piratas antigos... Se a comercialização substituir o ideal do código aberto (como parece querer o agora interessado com cifrões no lugar das pupilas, Linus Torvald, ao anunciar um computador inteiramente Linux), aí quero ver o circo pegar fogo...

Fernando Carreiro Albuquerque
http://talk.to/fernando


Mistérios

Por último, arranjaram um Pinguim...

Acuados, resolveram fabricar "programadores"! E enquanto o planeta "aprende" o programa. Eles mais e mais enganam...

E aí reunidos, só sabem rir e tramar: -Cambada de otários! "Programam" a própria imbecilidade.

-E deve ser um programa complicado... (quás, quás, quás!) -Ninguém nos vence, agora vai ser a Era dos Programadores!

Ou não percebem, que no início, em nossa época atual, de cada um faziam "Um Expert"... vizinhos de quitinete pareciam minis-Bill, em reuniões corporativas... em condomínios, uns milionários outros suburbanos... mas todos tolos, enganados. "Especialistas", "sábios de revista", a ensinar enganações (que nem desconfiavam!) como se fossem Segredos dos Deuses.

Ora, os deuses eles mataram... e enterraram! Se assustam quando algum renasce.

E parece que renasceu...

Não é que foram no deserto Pólo, pegar um fantoche novinho e simpático?!

-Desesperada "frente" à Tropa da Verdade.