Artigo especialmente escrito para iNews!

Furto de senhas... velho "brinquedinho" de Bill.

Artigos explicativos e técnicos é o que não falta lá na página.

Mas se acha-a complicada... é porque não entendes a cabeça de Bill Gates.

Eu como sou dado como "louco" mesmo, procuro me salvar lhes mostrando que "loucos são eles"!

Sem muito floreio, matemático ou de Backs-Orifices, vamos à uma linda história de um pequeno-guerreiro...
mas se fosse "pilantra" igual a uns tantos... seria um grande-milionário.

Antes uma "visão", as tais vindas-do-espaço:

"Vejo Bill Gates sentado em um escritório, sisudo e compenetrado, cercado de azul-marinho por todos os lados.

Seu plano imediato e urgente: -Mascarar os códigos-Fontes, embaralhar a magia do demônio.

Pois terá que apresentar parte da "poção" ao soberano togado: -Ao iluminado Juiz Jackson"

E assim acordo de sonhar o sonho dos astros, e me lembro quando ainda estava na "ativa", e furtei a senha de 4 Policiais, ou mais, sendo dois do PRODERJ, o órgão que manipula até mesmo Folha-de-Pagamentos.

Quando apresentei "minha descoberta"... achei que ao Palácio-Local seria convocado.

Que nada! Pruma Clínica de Loucos fui encaminhado.

E como disse Neruda*, em seu último dos lamentos: -Hasta Hoy... até este amargo dia...
___________________________________________

Você sabia que em sua repartição, você pode se "F$#@" todo, e ainda ser demitido como ladrão?

DOWNLOAD de Recorder.exe

Muito fácil:
(No exemplo-realíssimo prático, os policiais utilizavam "todo o dia" um Terminal dentro do Windows, conectado ao PRODERJ.
E considerem que o computador não permite que se coloque qualquer soft-extra! E rodava o velho Windows 3.1, que sofreu up-grade para Win95, porém os arquivos de instalação, tanto do 95 como do 3.1, ficavam em um diretório, caso se necessitasse)

-Arrastei uma cópia de Recorder.exe para o Write.exe.

-Tudo que foi nome mudei. (http://now.at/www.taldowin.com.br/write.html)

-E Recorder.exe passou a se chamar "Norton Anti-Vírus".

-Peguei a Barra de Tarefas e mudei-a de lugar, além de espremê-la... e assim não a encontrariam, e nem veriam. Mas se vissem, também veriam piscando um simples "NORTON Anti-Vírus". Mais nada!

-O pessoal chega, e na própria Desktop clicam logo o Terminal PRODERJ, e assim começam a trabalhar direto. Tão nem aí para fuçar o computador!, confiam já que é instalado e protegido por "especialistas"... além de que é muito trabalho de consultas, o dia inteiro.

-Mas a tal Macro já estava por mim clicada, configurada para IGNORAR O MOUSE, só gravar texto.

-Fim do dia, ou na hora do almoço... maior moleza. Bastava "desespremer" a Barra de Tarefas, clicar a desgraçada, que ela pulava pra tela, logo perguntando: QUER SALVAR?

-Eu respondia sim, salvando-a... na hora!

-Mandava um inocente NOTEPAD.EXE abrir em Tela Cheia.

-Clicava a Macro e definia uma TECLA DE ATALHO.

-Escolhi CTRL+O (o de otários). E pronto.

-Bloco de Notas em Tela Cheia, clicando CTRL+O... parecia uma mágica!!!
Tudo que meus colegas escreveram, até Cartas, ali na minha cara.

Pensei que ganharia uma Medalha. Ou um emprego na Modulo, ou na Microsoft. Ou melhor cargo no Estado do Rio de Janeiro.

E, se do Estado estava demorando uma resposta, procurei desde O Globo até mesmo a Microsoft-Brasil.

Mas... Que Nada!!!

Eu havia penetrado, sem ser convidado... no Mundo da Espionagem.
Reduto intocável da CIA.

E ali começou uma desgraça em minha vida.

Era setembro... de 1998.

Lembrei? Pra comprar Meu Livro, basta acessar
http://now.at/marconunez/vendas.html
O TAL DO WINDOWS - de Marco Nunez


* Pablo Neruda - "poeta do amor". Chileno. Escreveu tal lamento sobre "tão amargo dia" ao ver a democracia de sua pátria sendo tombada por fascistas aliados com uma grande empresa chamada ITT, a qual nos lembra muito os dias de hoje. - Logo após, ia junto a sua vida! Era um maldito setembro. De 1973.


As ameaças da Corporation